Cookies help us deliver our services. By using our services, you agree to our use of cookies. Learn more

close
Pitty

Pitty

Pitty nasceu no emblemático 1977. Passou pela banda Shes (1998) e a hardcore Inkoma (98-2000), antes de despontar em trabalho solo com o lançamento do "Admirável Chip Novo", de 2003. Junto com o "Anacrônico", de 2005, os discos venderam mais de 350 mil cópias, renderam nove VMBs, cinco prêmios Multishow de Música Brasileira e apresentações que correram de Portugal ao Japão. O passo inicial veio de um convite do músico e produtor Rafael Ramos, que já tinha lançado o disco "Influir", do Inkoma, em 2000 , e respondia pela gravadora DeckDisc. Com o material acumulado, Pitty desenhou "Admirável Chip Novo" e logo no primeiro ano concorreu ao prêmio de "Revelação" do VMB. O clipe da música que batiza o disco fechou o ano como o mais pedido da MTV. Já no ano seguinte, levou pra casa os dois principais prêmios do VMB (concorreu em cinco categorias): "Escolha da Audiência" e "Clipe de Rock", além de ter levado também "Revelação" no Prêmio Multishow . Seus primeiros movimentos foram registrados no DVD documental "Admirável Vídeo Novo" (2004), dirigido por Ricardo Spencer. Com o lançamento de "Anacrônico", Pitty coroou o ano com mais três VMBs - "Ídolo", "Vocalista da Banda dos Sonhos" e "Performance ao Vivo" - e o convite pra tocar no "Rock in Rio Lisboa", abrindo para Roger Waters e Red Hot Chilli Peppers. Já 2006 foi o ano de mais quatro estatuetas do VMB na estante: "Melhor Clipe de Rock", "Melhor Site", "Vocalista da Banda dos Sonhos" e "Escolha da Audiência", que lhe conduziram a uma turnê pelo Japão e ao segundo DVD da carreira, o "{Des}Concerto ao Vivo" (também lançado em CD, o primeiro ao vivo). Gravado em um tiro só, o DVD é o registro do show no Citybank Hall, no dia 6 de julho, em São Paulo. O lançamento rendeu mais dois prêmios no VMB 2007: "Clipe do ano", com "Na sua estante" e "Vocalista da Banda dos sonhos", pela terceira vez consecutiva. Em 2009, os fãs puderam acompanhar o que estava acontecendo nas gravações do novo disco através do blog "256 Tons de Cinza", onde Pitty postava trechos de músicas , fotos e relatos. O CD "Chiaroscuro" foi lançado em agosto junto com o clipe de "Me Adora" (Ricardo Spencer), música que concorreu na categoria "Hit do Ano" do VMB. Pitty concorreu ainda a "Artista do Ano", "Vocalista" e "Rock", enquanto Martin e Duda, integrantes de sua banda, ganharam nas categorias "Guitarrista" e "Baterista" respectivamente. Em setembro, logo após o lançamento do disco, a banda partiu em turnê pelo Brasil, aquecendo o público para o lançamento do DVD Chiaroscope (Ricardo Spencer), que viria em novembro, com imagens captadas durante a gravação do disco. O DVD ficou semanas no ranking de DVD musical mais vendido. O TIME Silvano Joe começou 10 anos antes, na banda os Feios. Já emprestou o baixo aos lendários Dead Billies e Retrofoguetes, de Salvador, e acompanha Pitty desde "Admirável Chip Novo ". Duda já tocou no Lisergia, Crac! e Cascadura, e responde pelas baquetas e pelo estúdio onde a banda ensaia e atualmente grava, o Madeira. Do mesmo Cascadura veio o guitarrista Martin, que passou por metade das bandas de heavy metal de Salvador antes de acalmar e entrar definitivamente pra banda no início de 2005, na véspera das gravações de "Anacrônico".

unknown

Hot tracks